Pesquisar este blog

domingo, 18 de julho de 2010

afogado



















aquele que sucumbiu
menos pedra, mais areia
deixou-se levar pelo mar

a humanidade é um arquipélago
os homens são ilhas
cercados de água e sal
por todos os lados.







(imagem de Rob Gonsalves, conheça mais o artista:
http://www.discoverygalleries.com/ArtistGallery.asp?artist_id=23&category_id=2 )

2 comentários:

Otto_M disse...

A primeira estrofe é muito boa, diria maravilhosa, acho que traduz de forma mais poética e sublime a filosofia sambista de "deixa a vida me levar". O sujeito leva tanta porrada, se desfaz todo e se entrega as marés por já não ter mais a robustez de traçar seu próprio caminho.

Larissa Marques disse...

As coisas permanecem e a gente envelhece, mas é o curso natural!
A pedra em algum momento se vê pó!
Beijo, querido!